O nosso website utiliza cookies por forma a melhorar o desempenho do mesmo e a sua experiência como utilizador. Pode consultar a nossa política de cookies AQUI

Formador (a)
Formador (a)

Robert Schleip

Robert Schleip, diretor do Fascia Research Project na Ulm University (Alemanha), é uma das maiores figuras na investigação científica sobre a Fáscia.

Conheça-o (a) Melhor
Programa

  • Fáscia como um órgão sensorial: a base para a propriocepção, o denominado 6º sentido.
  • Os 4 tipos de mecanorecetores da fáscia: Golgi, Pacini, Ruffini e terminações nervosas livres. Localização, sensibilidade mecânica e resposta fisiológica esperada.
  • Fáscia e interoceção: Papel dos receptores viscerais e cutâneos na formação da imagem corporal e no condicionamento emocional
  • Conexão entre a tonicidade fascial e o sistema nervoso autónomo
  • O conceito de tensegridade revisitado: linhas de transmissão de força miofasciais e as suas modificações mais recentes. Relevância para a regulação postural.
  • Fáscia lombar: arquitetura e inervação. Novos aspetos na investigação sobre a dor lombar.
  • Aplicações práticas:

   - Estimulação dos receptores de Golgi – aplicação para a correção da protração do ombro

   - Estimulação dos receptores de Pacini – aplicação para as articulações facetarias vertebrais e articulações costovertebrais

   - Estimulação dos receptores de Ruffini – aplicação para o trapézio superior com efeitos a jusante na tonicidade vagal e na variabilidade da frequência cardíaca

   - Estimulação das terminações nervosas livres – exemplo da manipulação do periósteo

   - Técnicas fasciais para o tratamento da dor lombar aguda

   - Técnica “Mother Cat” para a fáscia nucal

   - Inclusão micro movimentos conscientes do paciente durante o trabalho hands-on

Objetivos

Objetivo geral:

  • Conhecer os mais recentes avanços na pesquisa científica sobre a fáscia e dominar a sua aplicação clínica.

 

Objetivos específicos:

  • Compreender a função propriocetiva da rede fascial humana;
  • Compreender as funções dos diferentes tipos de mecanorrecetores na fáscia: terminações nervosas de Golgi, Pacini, Ruffini e terminações livres;
  • Compreender a função interoceptiva da fáscia, incluindo o papel dos receptores viscerais e cutâneos para a formação da imagem corporal e condicionamento emocional;
  • Compreender a conexão entre a tonicidade fascial e o sistema nervoso autônomo;
  • Compreender a biotensegridade;
  • Compreender a fascia lombar: arquitetura e inervação; com implicações para a estabilidade lombar e a lombalgia;
  • Ser capaz de realizar técnicas manuais envolvendo estimulação dos recetores de Golgi relacionados com a protração do ombro
  • Ser capaz de realizar técnicas manuais envolvendo a estimulação de recetores de Pacini relacionados com a mobilidade da faceta articular.
  • Ser capaz de realizar técnicas manuais envolvendo a estimulação dos receptores de Ruffini relacionados com o trapézio superior
  • Ser capaz de realizar técnicas manuais envolvendo estimulação das terminações nervosas livres do periósteo.
  • Ser capaz de realizar a “Mother-cat Thecnique” na fáscia nucal
  • Ser capaz de incluir micro movimentos conscientes do paciente durante o trabalho hands-on.
O que inclui a inscrição?
  • 18 horas de formação
  • Material de apoio ao curso em formato digital (em Português)
  • Certificado de registo profissional em formato digital (DGERT)
  • Seguro de acidentes pessoais em vigor durante a formação
Saiba mais sobre este tema

Robert Schleip, diretor do Fascia Research Project na Ulm University (Alemanha), é uma das maiores figuras na investigação científica sobre a Fáscia.
As suas mais recentes investigações indicam que a fáscia desempenha um papel mais ativo do que o previamente assumido – tem proprioedades contrácteis independentemente da atividade muscular, tem um papel como geradora de dor e é um dos órgãos sensoriais mais ricos para a propriocepção. Robert Schleip vai ainda trazer novas informações e descobertas sobre a complexa conexão entre a fáscia e o sistema nervoso autônomo, bem como sobre a relação entre a fáscia e os aspectos emocionais.

Robert Schleip, diretor do Fascia Research Project na Ulm University (Alemanha), é uma das maiores figuras na investigação científica sobre a fáscia.

Estará em Portugal, pela primeira vez, para rever as descobertas mais recentes na investigação científica sobre a fáscia. Neste curso, para além da dimensão científica, poderá aprender ainda as aplicações práticas de técnicas miofasciais suportadas pela melhor evidência científica.

Seja o primeiro a saber o estado da arte da investigação científica sobre a fáscia com o maior expert na área. Curioso sobre a investigação levada a cabo por Robert Schleip? Leia um pouco mais sobre como podem ser utilizadas técnicas específicas para otimizar uma estimulação de mecanorreceptores específicos em tecidos fasciais neste artigo.

Ler mais
  • Formação Certificada
    DGERT
Vou ser melhor com este curso porque:
  • Vou conhecer os mais recentes avanços na pesquisa científica sobre a fáscia acrescentando dimensão científica à minha intervenção;
  • Vou dominar a aplicação clínica da mais recente investigação científica sobre a fáscia;
  • Vou aprender com um dos maiores experts mundiais sobre a fáscia, produtor de investigação científica e preletor em centenas de eventos;
  • Vou ser o primeiro a ter esta oportunidade única, entre todos os Fisioterapeutas Portugueses.


Datas
27 e 28 de abril de 2019
Exclusivo a
#Fisioterapeuta, #Medico, #Osteopata com Cedula, #Terapeuta Ocupacional
Nº máximo de vagas
30 Vagas
Investimento
Inscrição antecipada Insc. antecipada (até 12-03-2019) 599,00€
 Pague em prestações mensais
 2x, 4x
 a partir de 154,81€
Inscrição normalInsc. normal
(até 26-03-2019)
639,00€
Inscrição tardiaInsc. tardia
(até 27-04-2019)
700,00€
Vagas, horário e local
Nº máximo de vagas
30 Vagas
Horário
Sábado e Domingo - 9:00 às 19:00
Carga Horária
18 horas
Concelho
Lisboa
Localização
Hotel 3k Europa
Idioma
Inglês
Saber mais

A Bwizer nas redes sociais