Suturas Inteligentes podem monitorizar Feridas

Estas suturas de alta tecnologia podem detetar os níveis de temperatura, pH e de glicose do organismo.

Num futuro não muito longínquo, os fios utilizados para suturar poderão ser capazes de passar informações em direto sobre o estado da ferida  para o profissional de saúde.

Uma equipa de engenheiros da Tufts University criaram fios inteligentes através de vários materiais, desde algodão a tecidos sintéticos, mergulhando-os em compostos de sensores físicos e químicos.

Estes sensores podem avaliar os níveis de pressão, stress, tensão, temperatura, pH e glicose, entre outros dados de diagnóstico da ferida. A sutura inteligente pode enviar as informações através da rede wireless para dispositivos móveis ou computadores dos profissionais de saúde, para que eles possam acompanhar a forma como a ferida está a evoluir no seu processo de cura e detetar infeções precocemente.

Ao contrário dos dispositivos implantáveis rígidos, os engenheiros podem usar estes fios de sutura para fazer dispositivos inteligentes com formas complexas que podem, por exemplo, seguir os contornos de um órgão específico.

Podem também ser usados para curativos inteligentes ou na criação de roupas com monitores de saúde integrados. A equipa ainda precisa fazer mais testes para a biocompatibilidade a longo prazo antes de poderem ser lançados no mercado.

 

Leia o artigo completo aqui » 

 

--- 

Fontes:

Microsystems & Nanoengineering - A toolkit of thread-based microfluidics, sensors, and electronics for 3D tissue embedding for medical diagnostics

Nature.com

Partilhe esta notícia