O nosso website utiliza cookies por forma a melhorar o desempenho do mesmo e a sua experiência como utilizador. Pode consultar a nossa política de cookies AQUI

Publicado a 15/09/2020

Voltar
Bwizer

Terapia Manual Segundo o Conceito Osteoetiopático - Técnicas de tratamento para ilíaco posterior (vídeo tutorial com Dominique Lippens)

Bwizer

Fisiologicamente os ilíacos fazem uma rotação anterior e uma rotação posterior. Quando um destes movimentos está limitado estamos diante de uma subluxação iliossacral.

O ilíaco estará em subluxação posterior quando estiver livre para realizar uma rotação posterior mas não puder realizar uma rotação anterior. O mesmo estará em subluxação anterior quando estiver livre para realizar uma rotação anterior mas não puder realizar uma rotação posterior, ou seja, “vai para o sentido da lesão e não para o sentido oposto”.


Ilíaco posterior

Clinicamente um ilíaco posterior manifesta-se por:

  • Uma perna mais curta homolateral;
  • Uma rotação externa do quadril;
  • EIAS alta;
  • EIPS baixa;
  • Crista ilíaca baixa;
  • Ramo púbico alto.


NOTA: Uma subluxação do ilíaco posterior causa dor interna no joelho (estiramento do músculo costureiro), dor no ombro devido ao grande dorsal, dor nos adutores do tipo pubalgia.

Se considera este tema interessante e quer saber mais, submeta o formulário abaixo e receba um vídeo tutorial sobre as técnicas de tratamento para um ilíaco posterior, feito pelo criador do método, Dominique Lippens. Ao deixar-nos os seus dados vai ficar a conhecer a peça que falta para transformar o seu raciocínio e prática clínica. A peça que falta para mudar a sua vida!

 

PS: o Conceito Osteoetiopático é um conceito único, criado por Dominique Lippens, que reúne algumas das melhores técnicas da Terapia Manual, como por exemplo Cadeias MuscularesCinesiologia AplicadaQuiropraxia ou Posturologia, partindo da Osteopatia e da experiência clínica de dezenas de anos dos seus formadores.

 

Partilhe em...