O nosso website utiliza cookies por forma a melhorar o desempenho do mesmo e a sua experiência como utilizador. Pode consultar a nossa política de cookies AQUI

Dicas para o Sucesso Profissional

Ebook gratuito
Voltar à listagem

Dor no ombro segundo a Osteoetiopatia

O complexo articular do ombro é um segmento de grande amplitude de movimento. A sua anatomia e biomecânica permite uma complexa gama de movimentos, possibilitando o posicionamento da mão distalmente enquanto esta processa movimentos finos ou grosseiros.

No entanto, como sabemos, para termos mais mobilidade, teremos algum comprometimento da estabilidade o que leva a maior vulnerabilidade desta articulação. É frequente encontrarmos lesões deste complexo articular, especialmente em atividades que solicitem movimentos dinâmicos do membro superior acima da cabeça, lesões essas que estão na origem da dor no ombro. Mas, a lesão local não é a única origem de dor nesta região - podemos então definir o seguinte quadro::

  • Dor localizada
    • entorse ligamentar
    • bursite
    • lesão muscular ou tendinosa
  • Dor projetada de origem cervical ou visceral
  • Dor postural de origem ílio-sacra ou craniana

 

Como avaliar a pessoa como dor no ombro?

Desta forma, a avaliação, para além da anamnese, deve-se iniciar com um exame preliminar para excluir envolvimento cervical ou outras causas alternativas de dor.

Sabia que todas as lesões frequentes do ombro são relativas a estruturas que têm origem em C5? Estas podem, portanto, projetar uma dor no dermátomo de C5, à excepção da articulação acrómio clavicular que, sendo derivada do segmento de C4, não projeta dor para o braço.

Se considerou este artigo interessante e quer saber mais sobre estes temas, submeta o formulário abaixo. Ao deixar-nos os seus dados vai ficar a conhecer a peça que falta para transformar o seu raciocínio e prática clínica. A peça que falta para mudar a sua vida!

O Conceito Osteoetiopático é um conceito único, criado por Dominique Lippens, que reúne algumas das melhores técnicas da Terapia Manual, como por exemplo Cadeias Musculares, Cinesiologia Aplicada, Quiropraxia ou Posturologia, partindo da Osteopatia e da experiência clínica de dezenas de anos dos seus formadores.

Dor no ombro segundo a Osteoetiopatia

Partilhe esta notícia

A Bwizer nas redes sociais