O nosso website utiliza cookies por forma a melhorar o desempenho do mesmo e a sua experiência como utilizador. Pode consultar a nossa política de cookies AQUI

Publicado a 25/09/2020

Voltar
Laira Ramos

Incontinência urinária – Como identificar os primeiros sinais? Por Laira Ramos

Laira Ramos

Infelizmente, algumas pessoas ainda pensam que perder urina faz parte do envelhecimento e que não podemos fugir dessa fatalidade. Outros pensam que perder apenas umas gotinhas não é um problema. E, muitos não sabem onde procurar tratamento para esta constrangedora patologia.

O que é a incontinência urinária?

A incontinência urinária é a perda involuntária de urina. Geralmente, começa com a perda de apenas uma gotinha em situações muito esporádicas, e, como é algo tão pequeno, que acontece tão poucas vezes, as pessoas acabam por ignorar estas perdas e não costumam procurar ajuda assim que estes sintomas aparecem.

Muitas vezes esta patologia acontece porque os músculos do períneo estão fracos e a tendência é que fiquem cada vez mais fracos se não forem reabilitados. Isso contribuirá para que aquelas pequenas gotas passem a acontecer várias vezes até que se transformem na perda de uma grande quantidade de urina, que levará a momentos constrangedores em público e/ou em situações mais íntimas.

Tipos de incontinência urinária:

Existem dois tipos mais comuns de incontinência urinária: a por esforço e a de urgência. 

Incontinência por esforço

A incontinência por esforço é a mais comum. As perdas acontecem depois de um aumento da pressão intra-abdominal causada pela tosse, pelo espirro ou algum esforço como saltar, correr, pegar algo pesado. 

Incontinência de urgência

A incontinência de urgência é causada por uma hiperatividade do músculo da bexiga, conhecido por bexiga hiperativa. A perda de urina acontece depois de uma vontade urgente e intensa de urinar, muitas vezes quando estamos a chegar a casa ou quando ouvimos o barulho de água.

 

Submeta o formulário abaixo para continuar a ler este artigo e descobrir outros sinais iniciais da incontinência urinária.

 

 

CV: Laira Ramos formou-se em Fisioterapia na Universidade Estadual de Londrina (Brasil) e cedo desenvolveu uma paixão especial pela área uroginecológica, área na qual é doutorada.

Fonte:

Artigo retirado do blog SimplyFlow - https://www.simplyflow.pt/incontinencia-urinaria-como-identificar-os-primeiros-sinais/

Partilhe em...