O nosso website utiliza cookies por forma a melhorar o desempenho do mesmo e a sua experiência como utilizador. Pode consultar a nossa política de cookies AQUI

Formador (a)
Formador (a)

Bernardo Pinto

Licenciado em Fisioterapia pela Escola Superior de Saúde da Cruz Vermelha Portuguesa, em Lisboa, e Pós-Graduado em Saúde Pública pela Escola Nacional de Saúde Pública.

Conheça-o (a) Melhor
Programa

  • Revisão Anatómica

   - Histologia e Propriedades Mecânicas Ligamentares

   - Biomecânica Articular– Função, Estabilidade e Propriedades Mecânicas

  • Lesão do Ligamento Cruzado Anterior

   - Epidemiologia e Fisiopatologia

   - Reabilitação – O que diz a evidência Científica?

   - O Programa de Reabilitação – Como construir uma ferramenta de medida

  • Pós-Operatório

   - Avaliação e Registo

   - Gestão e Redução da Dor e Inflamação

   - Ensino e Educação

   - Introdução ao Exercício: Isometria e Mobilidade

   - Treino de Marcha

  • Mobilidade Articular

   - Avaliação e Registo

   - Ensino/Aconselhamento nas posturas e AVD’s

   - Terapia Manual

   - Eletroterapia

   - Exercício: MobilidadeFlexibilidadeFortalecimento Treino Cardiovascular

  • Força Muscular e Estabilidade

   - Avaliação e Registo

   - Ensino/Aconselhamento nas posturas e AVD’s

   - Terapia Manual

   - Eletroterapia

   - Exercício: Bicicleta, Força, Estabilidade, Equilíbrio, Proprioceção Flexibilidade

  • Introdução à Atividade

   - Avaliação e Registo

   - Ensino/Aconselhamento para a Atividade Física e/ou Treino fora do contexto clínico

   - Exercício: Treino da Força, Estabilidade, Equílibrio, Proprioceção e Treino Funcional

  • Introdução à Pliometria

   - Avaliação e Registo

   - Prescrição de um Plano de Treino para executar fora do contexto clínico

   - Exercício: Treino da Força, Estabilidade, Equílibrio, Proprioceção, Treino Funcional, Pliometria, Agilidade, Salto e Corrida

  • Retorno à Atividade Trabalho de Desempenho (RTT+RTP)

   - Avaliação e Registo

   - Definição de Critérios de Alta

   - Treino de Desempenho (Contexto Desportivo – Futebol como exemplo)

   - Retorno ao TreinoReturn to Training (RTT)

      - Prescrição de Exercícios a realizar no contexto de treino

      - Critérios de Progressão e Alta

   - Retorno à CompetiçãoReturn to Play (RTP)

      - Monitorização de Critério de Desempenho para a Competição

      - Progressão e Alta para a Competição – Testemunho de Atleta(s)

Objetivos

Objectivo Geral:

Dotar o fisioterapeuta de ferramentas que lhe permitam a gestão e condução do processo de reabilitação em Lesão do Ligamento Cruzado Anterior desde o momento da lesão ao retorno à prática a nível da intervenção clínica e dos critérios prescrição de exercício adaptados à condição clínica vigente, segundo as guidelines e boas práticas a nível internacional independentemente do contexto de prática clínica


Objectivos Específicos:

Capacitar os formandos na utilização e seleção de ferramentas que permitam atingir os seguintes objetivos clínicos:

  • Aumento de Mobilidade

   - Técnicas Manuais para redução de dor

   - Exercícios específicos de Flexão e Extensão do Joelho para aumento de mobilidade

   - Exercícios de aumento de flexibilidade da anca e joelho

   - Exercícios de Mobilidade Geral

  • Aumento da Força Muscular

   - Quais os critérios e objetivos do exercício excêntrico, concêntrico e isométrico

   - Saber as condicionantes motoras a trabalhar em cada músculo e como o fazer

   - Como determinar a carga externa e volume a utilizar para cada grupo(s) musclar(es)

   - Como monitorizar os progressos do treino de força

  • Treino de Proprioceptivo e de Equílibrio

   - Que critérios me permitem iniciar o exercício em segurança

   - Quais os exercícios a selecionar

   - Como determinar módulos de progressão nos exercícios

   - Que indicadores me permitem determinar a aquisição desta capacidade

  • Treino Pliométrico

   - Que critérios me permitem iniciar o exercício em segurança

   - Quais os exercícios a selecionar

   - Como determinar módulos de progressão nos exercícios

   - Que indicadores me permitem determinar a aquisição desta capacidade

  • Treino Funcional

   - Como se planifica o treino funcional?

   - Como devo selecionar os exercícios/tarefas a executar?

   - Como é que estabeleco critérios de progressão para as tarefas/exercícios a executar?

   - Como contextualizo os exercícios de acordo com as atividades e participação social do meu utente?

   - Como adequar o treino para a melhoria de rendimento/performance em simultâneo com ganhos de saúde

   - Avaliação e Métrica

   - Como construir uma base de dados de avaliação e selecionar métricas que permitam mensurar:

   - Os ganhos em saúde do meu utente

   - A progressão a nível do desempenho (performance) do meu utente

   - Mensurar a minha performance enquanto fisioterapeuta

 
  • Metodologia de avaliação e de progressão do plano de reabilitação
  • Ferramentas de avaliação de acordo com o índividuo e contexto
  • Return to Training (RTT)

   - Como definir critérios de progressão e de tempo para o retorno ao treino

  • Return to Play (RTP)

   - Como definir critérios de progressão e de tempo para o retorno ao treino

O que inclui a inscrição?
  • 12 horas de formação
  • Material de apoio do curso em formato digital (em Português)
  • Certificado de registo profissional em formato digital (DGERT)
  • Seguro de acidentes pessoais em vigor durante a formação
Saiba mais sobre este tema

A Lesão do Ligamento Cruzado Anterior é das condições clínicas mais estudadas nas lesões músculo-esqueléticas e desportivas, contudo as disparidades na prática continuam a prevalecer relativamente aos timings de recuperação desta condição.

Para além disso, atualmente, a grande dificuldade prende-se também em garantir que após o período de reabilitação o nosso cliente, seja ele um operário ou atleta, consiga voltar à sua atividade com bons níveis de performance.

Quanto tempo devo em média determinar para a recuperação - 6 ou 8 meses? Quais os timings de evolução a respeitar? Quais os indicadores clínicos mais importantes? Que medições devo fazer e que ferramentas utilizar? Quais os melhores exercícios?

A aplicação do conhecimento científico depende da contextualização do índividuo ao seu ambiente psico-social que apenas é possível monitorizar através de um registo clínico cuidado e de boas metodologias de avaliação e intervenção, sobretudo ligadas ao exercício clínico.

Este curso propõe-se a dotar o fisioterapeuta destas mesmas ferramentas sem descurar a individualidade do utente e permitindo ainda uma boa ferramente de registo e monitorização, que poderá ser utilizada sob a forma de comunicação externa para promoção do trabalho desenvolvido.

Dada a elevada incidência de lesões do ligamento cruzado anterior (LCA), a taxa de recidiva no regresso à prática desportiva e a dificuldade em atingir o nível de performance anterior à lesão, é fundamental individualizar o processo de reabilitação.

Será que a forma como procuramos devolver os atletas à competição o mais cedo possível é a que traz maior benefício para si e para a equipa a longo prazo? Através de um plano de intervenção estruturado, será capaz de interpretar os indicadores adequados para a progressão do processo de reabilitação. Este deve constituir a linha condutora para alcançar os resultados pretendidos, com recurso às ferramentas indicadas em cada momento.

Da ocorrência da lesão, às estratégias de avaliação, intervenção e comunicação, até ao retorno ao treino (return to training)retorno à competição (return to play), este é o curso que vai atualizar e potenciar o raciocínio do fisioterapeuta perante um dos casos mais frequentemente encontrados na prática clínica.

Quer saber mais sobre disfunções do joelhoAceda a um algoritmo sobre o seu quadro fisiopatológico.

Ler mais
  • Formação Certificada
    DGERT
Vou ser melhor com este curso porque:
  • Vou ser capaz de construir e conduzir um processo de reabilitação individualizado após ligamentoplastia do Ligamento Cruzado Anterior (LCA)
  • Vou recorrer a um cronograma de avaliação, com indicadores clínicos adequados às diferentes fases de reabilitação, que atuam como critérios de evolução
  • Vou desenvolver competências ao nível da prescrição de treino, abordando a importância da mobilidade, RM, periodização e regulação de carga de treino, segundo as condicionantes motoras e a relação entre a tarefa, o trabalho analítico e funcional
Datas
4 e 5 de Maio de 2019
Exclusivo a
#Fisioterapeuta, #Estudante Finalista
Nº máximo de vagas
30 Vagas
Investimento
Inscrição antecipada Insc. antecipada (até 09-04-2019) 149,00€
Inscrição normalInsc. normal
(até 23-04-2019)
169,00€
Inscrição tardiaInsc. tardia
(até 04-05-2019)
200,00€
Horário, Local e Avaliação
Nº máximo de vagas
30 Vagas
Horário
Sábado - 9:00 às 18:00
Domingo - 9:00 às 14:00
Carga Horária
12 Horas
Concelho
Lisboa
Localização
Clínica Lambert
Idioma
Português
Saber mais

A Bwizer nas redes sociais